11 de fev de 2012

‘Que deselegante!’: Sandra Annemberg fala pela primeira vez sobre agressão à Monalisa Perrone que a fez virar bordão na internet


Em outubro de 2011, durante um link ao vivo no “Jornal hoje”, a repórter da TV Globo Monalisa Perrone foi empurrada por três homens que correram em sua direção aos gritos. No estúdio, os apresentadores na bancada do jornal, Sandra Annemberg e Evaristo Costa, ficaram indignados. “Que deselegante!”, afirmou Sandra Annenberg na ocasião. Rapidamente, o episódio virou assunto na internet e, minutos depois, o comentário de Sandra Annemberg já estava nos Trending Topics mundiais do Twitter.
Agora, ao voltar de férias - período que a levou a pensar sobre o ocorrido -, Sandra vem pela primeira vez a público falar sobre o assunto:
Ser ou não ser elegante?
Nada como férias, sem relógio, com tempo para fazer nada e pensar sobre tudo. Resolvi, então, vir a público pela primeira vez para falar do "ocorrido". Quem não souber o que aconteceu, sugiro dar um pulinho na página do "Jornal hoje" na internet (Lula já está no hospital para primeira sessão de quimioterapia contra câncer na laringe). Estar "ao vivo" é estar pronta para o que der e vier. E há 20 anos trabalho com o inesperado. Já enfrentei muitos plantões, já fui portadora de péssimas notícias, muitas tragédias, mortes, já tive que improvisar por horas a fio em coberturas tensas mas, confesso, nunca tinha vivido nada parecido.
Vamos fazer um rápido exercício. Qual foi a SUA reação naquele momento? O que disse (ou não disse porque tinha criança na sala)? Tenha certeza, o que passou pela sua cabeça passou pela minha, tudo impublicável! Diante de uma atitude tão covarde e absurda, e para manter o respeito ao telespectador, o único adjetivo possível naquela fração de segundos foi o "que deselegante". Muita gente me perguntou se não tinha nada melhor pra dizer. Hoje respondo com tranquilidade: não.
E o que mais me surpreendeu em toda essa história foi a reação à minha reação. Imagine, virei bordão! Descobri (junto com muitos) o significado da palavra meme. Fui parar nos Trendings Topics mundiais, logo eu que sou avessa a mais exposição do que o meu trabalho exige. No começo, me diverti. Por onde passava, as pessoas comentavam e, numa cumplicidade jamais vista, se solidarizavam. Mas depois comecei a me preocupar. Percebi que ninguém falava sobre a violência contra a colega Monalisa Perrone. E me questionei: será que ninguém se sentiu agredido? Será que perdemos a capacidade de nos indignar? É bem verdade que estamos (e me incluo nessa) cansados de tanta notícia ruim, violência e corrupção, de tanta falta de educação e, portanto, precisamos ver o lado engraçado da vida, precisamos nos divertir. Mas não podemos ignorar o verdadeiro "ocorrido".
Como jornalista busco a concisão e acho que a palavra "deselegante" resume muitos adjetivos. Da mesma forma que "elegante" pode ser usado como sinônimo de gentileza, generosidade, respeito, responsabilidade. E foi desejando justamente um ano novo muito, mas muito elegante que encerrei o último Jornal Hoje de 2011. E para minha surpresa, mais uma vez, esse "Boa Tarde" teve quase um milhão de acessos no You Tube. Pelo jeito estamos todos sedentos por elegância. Então, respondendo à questão do título, é fundamental SER!

Fonte: Extra


Nenhum comentário:

Postar um comentário